Onde ficar em Como – Lago di Como – Itália

12.7.17

Às vezes é difícil decifrar um destino só usando as ferramentas da internet e alguns relatos, o Lago di Como, na Itália, foi um desses lugares onde só depois de ir é que realmente pudemos entender sua dinâmica, e isso resultou na nossa hospedagem. É que sem saber da estrutura de cada cidade às suas margens, acabamos optando pela segurança de ficar na maior delas, Como.

Não que tenha sido ruim, muito pelo contrário, ficamos num hotel bem perto da estação onde nosso trem chegou e de lá deu para explorar a cidade a pé e chegar às margens do lago. No entanto, na minha próxima vez na região, agora já conhecendo um pouco mais, vou querer me hospedar em algum dos charmosos e tradicionais hotéis do Lago di Como, como o Grand Hotel Tremezzo e sua piscina flutuante. Ou até mesmo em algum lugar da charmosa Varenna. Deixando o sonho de lado um pouco, vamos ao que interessa: O Hotel Borgo Antico na histórica cidade de Como.




O hotel, que está a uma curta caminhada da estação de trem Como San Giovani, ganha pontos justamente pela localização. Como chegamos de trem à cidade que foi nosso porto enquanto exploramos o lago que lhe confere o nome, foi providencial ficar perto da estação. Além disso, nos arredores do Borgo Antigo estão bons restaurantes,  bares, cafés e farmácias.

Check-in e Quarto

A diária para o casal, com café da manhã, no primeiro final de semana da primavera, saiu por 80 euros. Achei o valor satisfatório, certamente dá para achar algo mais barato em Como, mas esteja pronto para abrir mão de algumas facilidades. Chegamos no sábado cedo, antes das 11 da manhã e o quarto não estava disponível. Como já havíamos previsto que não haveria disponibilidade de quarto a essa hora, fomos prontos só para deixar as malas e cair em campo. No entanto, os trâmites do check-in foram feitos nesse momento, ou seja, quando retornamos, foi só pegar as chaves e as malas e ir para o quarto.






O Borgo Antico tem pinta de hotel antiguinho quando olhamos para a recepção ou a sala do café da manhã, mas os quartos parecem novos, ou  no mínimo, recentemente reformados. Ficamos em um cômodo duplo com cama de casal grande, banheiro privativo e uma decoração charmosa, com tijolos aparentes, piso de madeira e papel de parede. A roupa de cama era de qualidade e estava em boas condições. O quarto ainda tinha ar condicionado/aquecedor, tv com canais a cabo, terraço ao ar livre, mesa de trabalho e guarda roupa. No banheiro, nada além do habitual.

Café da manhã

Incluso na diária, o café da manhã é servido em estilo buffet e tem um pouco de cada coisa, frutas, cereais, pães, frios, ovos, doces e geleias. O café, servido por funcionários, é feito na hora. Não podemos esquecer que estamos na Itália, né? Achamos a refeição bem satisfatória para dois dias, a partir daí acho que já começaria a ficar um pouco restrita, sem repertório.




Conclusão


O Hotel Borgo Antico foi uma ótima pedida para o nosso final de semana no Lago di Como, serviu para que pudéssemos entender como funciona a vida em torno do lago e foi um excelente ponto de partida para nossas atividades. Da próxima vez, quero ficar mais pertinho da água, mas para uma primeira vez, a distância do Borgo Antico da água foi mais do que segura.




SalvarSalvarSalvarSalvar

Leia também

0 comentários

google plus

twitter