Mostrando postagens com marcador festa. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador festa. Mostrar todas as postagens

10.1.13

Splendour of the Seas - Vida Noturna


A programação noturna a bordo do Splendour of the Seas é tão, senão mais, intensa do que a da manhã. A verdade é que, se você quiser passar 24 horas acordado, vai ter sempre algo para fazer. 

Começando pelo teatro, o 42nd Street – nome que remete imediatamente à famosa rua de Nova York e seus belíssimos espetáculos da Broadway – onde todas as noite são apresentados, em dois turnos, números de excelente qualidade. Na primeira noite tive a oportunidade de ver uma apresentação que brindava a história da música. Tudo regado a muita coreografia, cores e vozes potentes! Já o segundo show, e bota SHOW nisso, foi a apresentação do inglês Gary Williams, e sua banda afinadíssima, cantando de Sinatra a Tom Jobim, passando por Roberto Carlos e Gipsy Kings. Uma mistura que teria potencial para dar errado, mas que graças à boa voz e o carisma do cantor, deu muito certo.

A cortina bafo do 42nd Street

8.5.10

festa da primavera



A primavera começou por aqui, em tese, no dia 20 de março e com ela chegaram as temperaturas amenas e as festas em sua homenagem. As temperaturas amenas nós ainda não vimos, mas as festas já começam a pintar. Ontem fomos à Frühlingsfest (festa da primavera) que acontece no Wasen Cannstatter. A feira é um mix de parque de diversões, quermesse e MUITA CERVEJA! As pessoas ficam num estado de animação contagiante, cantam, dançam, vestem trajes típicos e celebram a chegada da estação das flores. O parque de diversões tem brinquedos super radicais e eu não faço ideia de como as pessoas conseguem administrar o binômio "cerveja+loopings"!
Assim que chegamos demos uma volta no parque e, por minha causa, fomos na roda gigante, linda, por sinal. Fazia anos que eu não sabia o que era uma roda gigante, coisa tão bucólica. Depois da parte singela partimos para o hardcore: cerveja! Aqui tem de monte. Escolhemos um quiosque e compramos duas canecas, uma para cada, e enfim, degustamos a nossa primeira cerveja em solo alemão! Gott sei Dank! Rumamos para as banquinhas de comidas e os petiscos eram os mais variados: leitão inteiro assando, bife de porco na brasa, galeto, lombo de porco fatiado, crepe, pipoca... uma verdadeira orgia gastronômica! Nós fomos de galeto e estava delicioso. Bebendo e comendo ficamos observando o que acontecia a nossa volta, e as pessoas dentro dos galpões dançavam abraçadas umas às outras, bebiam litros de cerveja e cantavam a plenos pulmões trechos de hits alemães.

Festa boa, ao ar livre, que há tempos eu não ia.

Infelizmente acaba amanhã, mas certamente eu irei de novo em algum ano mais pra frente!

informações (em alemão): aqui
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...