Mostrando postagens com marcador malas. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador malas. Mostrar todas as postagens

7.2.13

Lockers em Guarulhos e Congonhas


Na última semana um amigo estrangeiro perguntou se havia lockers no aeroporto de Guarulhos. Aproveitei que estive nos dois aeroportos esses dias e descobri que sim, ambos têm serviço de guarda volumes em seus terminais.

Em Guarulhos, o espaço com os armários fica no Terminal 1, no térreo, com acesso pelo lado de fora do terminal – uma referência são as locadoras de veículos. Com a nova sinalização do aeroporto, fica fácil encontrá-lo.

Em Guarulhos, saindo do Terminal 1, vire à direita e siga a sinalização

7.5.10

chegamos

Finalmente, nós chegamos aqui. O voo SP/Zurich foi um pouco conturbado, pois uma senhora passou mal e todos os seus remédios estavam na mala, foi uma confusão só, mas no fim ela ficou bem. O serviço da Swiss Air eu achei infinitamente melhor do que o da TAP, quando vim pela primeira vez em 2007. A tv era individual para cada poltrona e uma imensa seleção de filmes e programas como: Avatar, Up in the air, Nine, It's complicated, Friends, Two and a half man, Big Bang Theory... Jogos, programação especial para criança, etc. Para o marido, que além dessas duas cias aéreas também já voou pela Lufthansa e Air France, a francesa fica no topo do ranking.
Chegamos em Zurich achando que estávamos atrasados e corremos loucamente para a imigração e depois para o raio-x afim de fazer o embarque para o segundo voo. Após essa jornada descobrimos que o voo Zurich/Stuttgart atrasaria. E atrasou! 2 horas! Foi preciso muito bom humor para espantar a fome, o sono e o cansaço.
Enfim, embarcamos e 30 minutos, 2 chocolates suíços e 1 água depois, estávamos em solo alemão. Pegamos nossas malas e rumamos em busca de um táxi. Depois de meia hora no táxi, passando por ruas com casas que pareciam de brinquedo, chegamos ao nosso prédio. De cara, uma padaria no térreo do edifício! Imaginem o aroma, coisa de louco! Nham, nham!
Encontramos com a mulher responsável por nos mostrar o apê, que é bem legal por sinal, e dar as "ordens". Só faltou explicar como respirar aqui dentro. É nisso que dá generalizar, acredito que muitos jovens que vem por aqui devam acabar com o apartamento, aí eles pensam que todos os jovens são iguais, mas ela está no papel dela, né? C'est la vie!
Bom, apesar de termos pedido com antecedência, ainda não havia internet quando chegamos, só pela noite uma pessoa trouxe um aparelho (que não funcionou - ontem descobrimos que o problema era nesse notebook). A internet aqui é junto com a rede elétrica é só plugar e usar.
Após tudo isso, fomos ao supermercado que fica muito perto de casa comprar coisas para o café da manhã do outro dia e depois procuramos um lugar para jantar. Na volta, paramos em um telefone público para dar notícias ao pessoal. Tudo isso no clima de 9º e muita chuva.
Aqui eu posto a vista da minha janela da sala:




Amanhã nós vamos sair para comprar minha nova câmera fotográfica e aí sim, tirarei muitas fotos lindas! Bom, isso foi só o começo, né? Temos mais alguns dias pela frente. Deixarei tudo registrado por aqui.

Tschüs!

1.5.10

é agora!


Então, tá chegando a hora! Para finalizar, ontem fiz prova no francês e ganhei uma linda despedida das pessoas mais especiais que encontrei nesse 1 ano de vida aqui em São Paulo. Sentirei muita falta dessa aula/terapia, mas logo, logo, retomamos a bagunça!
As malas estão prontas, a geladeira quase vazia, estou menos estressada do que estive essa última semana e agora não tem mais o que fazer. Tem sim, segunda vou em Congonhas pegar o meu cartão internacional de vacinação, tenho que pedir a suspensão dos serviços de internet, tv a cabo e telefone. Ah, temos que lembrar de fechar os registros do gás e água do apartamento. Aí sim, é só partir para Guarulhos e esperar, serão 12h40min de vôo até Zurique + conexão de 1h30min + 45min de vôo até Stuttgart. Espero retomar as postagens quarta-feira cheia de boas primeiras impressões.

Até lá, pessoal!


Tschüs

imagem: aqui

21.4.10

fazer mala, quem curte?


Fazer as malas no sentido figurado é uma coisa maravilhosa, podemos colocar nela um monte de saudades, expectativas, sonhos e a mente aberta, fechamos e pronto, rumamos para o aeroporto. Mas, a mala física, aquela que fica no quartinho da bagunça ou no maleiro do nosso guarda roupa, são outros quinhentos!
Especialistas (isso, existe gente ganhando pra fazer as malas das pessoas) dizem que devemos começar a organizá-la com uma semana de antecedência caso a viagem seja longa. Mas, e se a viagem é mais longa do que uma viagem de férias? Se ela vai durar 3 meses? São muitas coisas para organizar, escolher o que levar, tentar fazer uma mala "inteligente", só de pensar já começo a achar impossível!
Contrariando especialistas, comecei a fazer a minha com 10 dias de antecedência. Comecei por partes. Hoje eu separei os acessórios que vou levar, mas COMO eu conseguirei me desapegar dos meus sapatos e bolsas? Sem demorar o olhar sobre eles fiz minha escolha: 4 pares de sapatos, 4 bolsas e vários outros acessórios que, só pra listar, levaria uma eternidade. Nessas olhadas no guarda roupa, dá ainda pra separar para doação algumas coisas que não estão mais em uso. É um ritual de desapego doloroso, mas necessário.
Tenho mais 9 dias de sofrimento pela frente e ainda faltam as roupas, itens de perfumaria, remédios, livros, e mais um monte de coisa que esquecerei!
Ah, vagando em algum blog da internet li uma dica que achei super legal e que nunca havia me ocorrido: Deixar por último um pijama e a necessaire, para caso você chegar cansado e só conseguir pensar em um banho e cama.
Deixo por aqui também um link da superinteressante com outras dicas para quem tá na mesma barca furada que eu: como fazer a mala perfeita.
Será que dá?!

Fotos: aqui, aqui e aqui.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...