Mostrando postagens com marcador paulaner. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador paulaner. Mostrar todas as postagens

21.1.13

Zum Paulaner - Comida alemã em Stuttgart


Tudo bem, Stuttgart não tem tantos atrativos turísticos quanto as suas vizinhas, mas uma coisa ela não foge à regra das cidades alemãs: a boa mesa. Como em qualquer outra cidade do país, em Stuttgart também encontraremos restaurantes de várias nacionalidades e alguns ótimos tipicamente alemães, como é o caso do Zum Paulaner.

Em um ambiente rústico, muito lindo, são servidas especialidades das culinárias bávara e suábia (schwaben). Durante os dias de temperaturas amenas da primavera ou os ensolaradíssimos de verão, a pedida é escolher uma mesinha na rua mesmo e ser feliz. Foi o que fizemos quando fomos pela primeira vez ao restaurante, em 2010. Já agora, em 2012, em pleno outono – com temperaturas de inverno – o jeito foi achar um refúgio no primeiro andar do casarão e ser feliz do mesmíssimo jeito.


15.7.10

Beer, Cerveza, Bière, Bier, Birra = Cerveja

Eu não sou grande conhecedora de cerveja e até pouco tempo atrás não sabia que tinha virado moda juntar cerveja com gastronomia. O fato é que a Alemanha leva a sério a mistura de wasser + hopfen + gesten malz (água, lúpulo e cevada malte). Por aqui existe por volta de 1.350 cervejarias que produzem 5.000 marcas de cerveja. A oktoberfest que acontece em Munique registra, a cada ano, 6 milhões de litros da bebida vendidos.
Como disse no começo do post, não conheço muito, mas é uma das bebidas que mais gosto e desde que cheguei por aqui tive a oportunidade de provar algumas marcas. Com tanta variedade eu até me animo a conhecer de forma mais dedicada o mercado cervejeiro.
Fiz uma pequena pesquisa sobre as cervejas que bebi: tipo e harmonização. Não sei se está 100% correta, mas divido com vocês:

A Maisel's Weisse (alemã) é do tipo Weissbier (cerveja de trigo) e cai bem com saladas, bolinho de bacalhau e couscous. Não encontrei o preço médio dela nos sites do Brasil, mas aqui eu comprei um pack de 5 garrafas de 500ml + um copo por menos de 5EUR. Por sinal, essa é uma das que eu mais gostei.


A Krusovice é uma cerveja da República Tcheca do tipo Pilsner (que é o tipo mais comum da bebida) e harmoniza com carne de cordeiro e presunto cru.


A Franziskaner (alemã) também é do tipo Weissbier e muito gostosa. Já vi dela pra vender no Brasil e o seu preço médio é de R$ 9,50 por garrafa de 500ml. Por aqui dá pra comprar fácil a mesma garrafa por menos de 1EUR. Segundo pesquisa, ela harmoniza bem com os mesmos pratos da Maisel's.



A Kronenbourg 1664 é uma cerveja francesa do tipo Pilsner. Ela foi considerada em 2004 a melhor cerveja do mundo. Cai bem com frutos do mar, aliás, o que não cai bem com frutos do mar? Nessa a gente pagou caro - 7EUR por 300ml, mas foi no show da Lady Gaga (super inflacionado). No Brasil dá pra comprar a garrafa de 500ml por R$ 12,00.

A Paulaner (alemã) é muito, mas muito famosa, mas eu não achei gostosa, não. Acho que ela dá uma amargadinha do final. Do tipo Weissbier harmoniza com frutos do mar e alguns queijos. No Brasil o preço médio da garrafa de 500ml é de R$ 13,00. Já por aqui, a gente encontra por menos de 1EUR.

A Beck's também alemã, de Bremen, do tipo Pilsner é bem vendida por aqui. Patrocina eventos da MTV é a cerveja da imagem jovenzinha. Cai bem com frutos do mar. A garrafa de 330ml no Brasil não chega a 5 reais e por aqui não lembro por quanto comprei.

A Pilsner mais famosa da cidade onde eu me encontro, Stuttgart, é a Stuttgarter Hofbräu. Todos os bares e restaurantes servem essa cerveja. É uma loucura. Também é uma boa cerveja, porém, no site onde achei as harmonizações não cita ela e também não encontrei pra vender no Brasil.


Por fim, uma austríaca. A Gösser do tipo Pilsner cai bem com chucrute, batata assada, foundue de queijo e salsichas. Também não achei nenhum site que venda no Brasil e em viena pagamos baratinho, com certeza.

Bom, essa história de harmonização é nova pra mim, portanto, garanto a vocês que nenhuma dessas cervejas foi harmonizada com algo diferente de batata, amendoim, doritos ou salsicha. Os dados que estão nesse post são resultado de uma pesquisa rápida e sem profundidade alguma, se por acaso algum expert estiver lendo esse post e quiser compartilhar informação, sinta-se à vontade para meter o bedelho.
Ah, mandem sugestões, pois ainda posso provar mais algumas. Espero que esse post seja um bom jeito de começar a sexta-feira.

Bom final de semana a todos e divirtam-se!
Se beber não dirija

imagens: divulgação site: brejas.com.br
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...