Vendo São Paulo de cima - Edifício Martinelli

Não é raro o centro das cidades guardar as maiores relíquias da história daquele lugar. Mesmo que as cidades se desenvolvam e cresçam, vai ser olhando para o centro que enxergaremos o passado. Claro, também é assim em São Paulo. O centro da capital paulista é uma região bela, histórica, boêmia, curiosa, intrigante e instigante e se hoje já não é tão rica, isso não diminui em nada o seu estilo ou merecimento de visitação. 

Todas as visitas que recebemos quando morávamos na cidade foram levadas a um bom passeio pelo centro. Um dos pontos mais lindos deste passeio, na nossa opinião, é quase como o coração da cidade. A partir do Prédio do Banespa, é possível visitar o Pateo do Collegio, a Bolsa, O Mosteiro e Largo do São Bento, a região da 25 de Março, o Viaduto Santa Ifigênia, o Vale do Anhangabaú, o prédio dos Correios e, claro, o Edifício Martinelli, estrela desse post. 

No topo do Edifício Martinelli


Ali, entre a Rua Libero Badaró, Rua São Bento e o início da inúmeras vezes cantada Avenida São João está este prédio que foi imaginado para ser o primeiro arranha céu da cidade de São Paulo. Já de frente para uma de suas entradas na Avenida São João, a vista do Prédio do Banespa é de suspirar. Me perdoem os que defendem outros marcos, mas este é o mais bonito postal da cidade.

A visita ao topo do Edifício Martinelli pode ser feita em horários específicos e é gratuita. De segunda à sexta, a visita é guiada. Aos fins de semana, grupos podem subir em um número controlado de pessoas e a permanência lá em cima é de 20 minutos. Com sorte um dos seguranças fará a gentileza de contar um pouco sobre a história do prédio, com todos os seus curiosos altos e baixos, “do luxo ao lixo”, você ouvirá.

Visitantes de várias partes do mundo conhecendo um pouco mais da história de São Paulo

Além do lado histórico, a vista da cidade é memorável. Além de ficar “cara a cara” com o imponente prédio do Banespa, é possível ver a Zona Norte ao longe, o trem se dirigindo para a estação da Luz, o Mercadão, a região do Brás, a Catedral da Sé, as antenas da região do Paraíso e da Paulista, assim como o Edifício Itália, o Viaduto da Santa Ifigênia e muitos outros pontos. É maravilhoso conseguir reconhecer a gigantesca cidade lá do alto. E é importante ver São Paulo de cima, para lembrar do seu tamanho e importância.

Catedral da Sé vista do Edifício Martinelli

O metrô corta a selva de pedra

       


Ao fundo as antenas da Av. Paulista
o belo Viaduto Santa Ifigênia

Nesse link você pode se antecipar e conhecer um pouco mais da história do Sr. Giuseppe Martinelli e do seu sonho de concreto. Se não, deixe pra ouvi-la enquanto aprecia a vista da cidade!


Para saber os horários e os contatos do prédio, acesse aqui.


Comentários