Curitiba | Feirinha do Largo da Ordem

O passeio do domingo foi bem recomendado por todos que perguntávamos. A Feirinha do Lago da Ordem foi criada em 1971, conta com mais de 1.000 barracas e recebe, em média, 15.000 visitantes a cada domingo. São números impressionantes, mas mais impressionante mesmo é ver tudo isso ao vivo. Eu mesma nunca havia visitado uma feira tão grande e tão diversa. Lá encontramos de tudo, inclusive é o lugar certo para comprar os souvenirs, pois os preços são bem mais competitivos do que nos pontos turísticos isolados. 

Os famosos ovos ucranianos onde cada símbolo tem um significado

Souvenirs em porcelana

Trabalhos em palha e argila
Além de uma grande quantidade de artesanato, também encontramos vários artistas de rua com a mão na massa. Caricaturistas, músicos, artistas, estudantes de teatro (e suas intervenções), sem dúvida um lugar culturalmente aquecido. Ainda encontramos as famosas banquinhas de comidas: pastel, caldo de cana, pipoca, água de coco, um sem fim de opções para o lanche. Quem não tiver no clima para um lanche, pode arriscar algum dos vários bares e restaurantes que estão no entorno do  Setor Histórico

Caricaturista em ação

Clown entretendo as crianças (e adultos)

Menina contribuindo com a intervenção

Pausa para o lanche: pipoca quentinha
Ainda no Setor Histórico é possível encontrar diversos pontos turísticos: o prédio da Sociedade Beneficente Muçulmana do Paraná, o Museu Paranaense, o Memorial de Curitiba e a Igreja da Ordem.

Parte da feirinha com o prédio da Sociedade Beneficente Muçulmana ao fundo

Detalhe do prédio da Sociedade Beneficente Muçulmana
Na rua paralela a da feirinha tivemos uma grande surpresa. Uma exposição de belíssimos carros antigos e uma enorme quantidade de motocicletas super bem conservadas. Donos orgulhosos passavam para lá e para cá mostrando tudo aos curiosos. 

Exposição de carros antigos
Adorei esse carro























                              
                                  Harley 
                      
Enfim, a Feirinha do Largo da Ordem está mais que aprovada como passeio de domingo. É segura, organizada, diversa e democrática. Vale a pena o passeio, o lanche e as compras! Curitiba é mesmo surpreendente. 

Comentários

  1. Feirinhas são sempre obrigatorias nos meus roteiros de viagem, mas o que me deu vontade de ir nessa foram suas fotos! uau mulher, que fotos lindas! :D

    ResponderExcluir
  2. Mi, se você for a Curitiba vá à feirinha da ordem e depois me diga se ela não é inspiradora?! As fotos boas são resultado da atmosfera criativa do lugar! Adorei!
    :*

    ResponderExcluir
  3. A Feirinha de Domingo no largo é programa obrigatório para quem visita a cidade :D
    Infelizmente ao longo dos anos a qualidade tem caído um pouco, (ou nós que ficamos mais exigentes). De qualquer forma recomendo a todo mundo que visita Curitiba.
    E se tem um lugar que você tem que conhecer quando vai ao Largo da Ordem é o Bar do Alemão (http://www.bardoalemaocuritiba.com.br/)

    Mais uma vez não preciso dizer que estou adorando os Posts sobre Curitiba..

    ResponderExcluir
  4. Nós passamos pelo bar do alemão mas estava bem cheio! Mas nossa ideia foi almoçar por lá pelo Setor Histórico (post a seguir)!

    Obrigada MESMO pelas visitas, Oscar :*

    ResponderExcluir
  5. Rapha, que lindo post e lindas fotos!
    Também adoro a Feirinha do Largo.

    ResponderExcluir
  6. Ah, a feirinha do largo é uma coisa linda. Acho que fiquei inspirada e caprichei nas fotos, Beta. :)

    ResponderExcluir
  7. Rapha que legal seu post sobre a feirinha do Largo. Acredita que moro em Curitiba e já faz mais de um ano que eu visitei a feira pela última vez. Vendo suas fotos fiquei com vontade de voltar... Com certeza é uma visita obrigatória para quem estiver passando por aqui.

    Grande abraço e parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Robson, eu adorei essa feirinha. Ou melhor, essa cidade! Volta lá e faz umas fotos incríveis :) Curti bastante o seu blog!

      Abraço e obrigada pela visita :D

      Excluir

Postar um comentário