Bossa Flow | Hotel bem localizado em Ibiza

Após três dias em Madri fomos parar em Ibiza, porque, acreditem ou não, o balneário espanhol oferecia o melhor valor de passagem entre a Espanha e a Alemanha, não nos restando outra opção a não ser fazer o esforço de curar a ressaca do Mad Cool Festival num dos lugares mais badalados do verão europeu.

Como não foi um plano realizado com muita antecedência, pouco sabíamos sobre a melhor localização da ilha, as melhores praias e o que fazer por lá,  tínhamos duas noites em Ibiza e nenhuma ideia do que fazer ou de onde ficar. Mesmo assim começamos a procurar hospedagem e constatamos o óbvio, que visitar um destino de praia na Europa em pleno verão não é a coisa mais barata. A essa altura do campeonato (reservando em março para ir em julho) já não havia muita coisa disponível, a não ser as mais caras, como o Hard Rock Hotel Ibiza ou o Ushuaïa, mas não era nossa intenção gastar tanto.


Identidade visual #1 - área da recepção
A piscina do Hotel Playa Sol Bossa Flow é super convidativa
Durante essa pesquisa vimos que seria mais interessante ficar na região da Playa d’en Bossa, onde está concentrada boa parte dos hotéis e também é coberta pelo ônibus que faz o trajeto Aeroporto-Hotéis-Aeroporto. Além disso, é nessa porção de Ibiza que estão as baladas mais conhecidas da ilha – a princípio não era nossa intenção ir a alguma festa, mas descobrimos que David Guetta arma a maior balada às segundas na área da piscina do Ushuaïa e nos jogamos. Estar nessa parte de Ibiza facilitou, pois era bem servida de lojas, restaurantes e dava para fazer tudo a pé.

O Bossa Flow

O hotel escolhido para ser nosso QG nessas 48 horas em Ibiza foi o Bossa Flow da rede Playa Sol. O empreendimento, que foi renovado em 2016 e está a poucos metros da Playa d’en Bossa e da ferveção da ilha, tem 77 quartos duplos e 6 suítes deluxe – que curiosamente levam nomes de festivais de música renomados internacionalmente (Coachella, Burning Man, Rock in Rio, Lollapalooza, Glastonbury e Tomorrowland). A viagem entre o aeroporto e o hotel não dura mais do que 15 minutos e, depois de uma caminhada de menos de 3 minutos,  chegamos à recepção do Bossa Flow.

Check-in e Quarto

De cara, a decoração da área comum chama a atenção, madeiras, fibras naturais e ilustrações fazem parte da identidade dessa porção do hotel. O procedimento de entrada foi feito com agilidade e simpatia, como chegamos dentro do horário previsto para o check-in, nosso quarto já estava disponível.


Livros e guias à disposição dos hóspedes na área comum do hotel
O hotel tem vending machine - uma delas vende garrafas grandes de água a um preço honesto
A decoração do cômodo, diferente da cara moderna das áreas comuns, segue uma linha meio hippie e bem mais simples, mas ainda assim legal. A gente bem sabe o quão fácil é encontrar hotel sem personalidade alguma, por isso, já ficamos contentes em nos deparar com tentativas. Mas a sensação que fica é que uma pessoa ficou responsável pelo décor da recepção e outra, dos quartos. Curioso. Encontramos tudo em ordem, porém acho que a limpeza não é feita com o rigor que, ao meu ver, deveria ser feita.

Identidade visual #2 - A decoração do quarto tem uma inspiração mais hippie 
Detalhe da mesa de trabalho, frigobar e cama com tomada na cabeceira
Banheiro do hotel
Quarto honesto do Bossa Flow em Ibiza

O banheiro é simples, tem secador de cabelo daqueles padrão, não conta com amenities e a água descia no ralo com uma certa lentidão. Por falar em água, em Ibiza, prepare-se para tomar banho, lavar o cabelo e escovar os dentes com um líquido salgado horrível. Por incrível que pareça, as únicos itens de higiene que funcionaram com a água do hotel foi o shampoo sólido da Lush e o sabonete líquido que estava no dispenser do banheiro. No segundo dia usamos água mineral para escovar os dentes. O quarto ainda tem TV, ar condicionado, um frigobar pequeno e mesa de trabalho.

Café da manhã e Lazer

Na nossa diária (208 euros o casal – eu disse que era caro) incluía o café da manhã, servido até às 11 horas num salão anexo à recepção, de frente para a piscina. O buffet certamente é composto para agradar a maioria dos viajantes que chega à Ibiza, ou seja, inglês e alemão. Portanto, você vai encontrar ovos, bacon, feijão, linguiça, tomate, pepino, pão, alguns frios, poucas frutas, cereal, iogurte, suco artificial, chá, café e leite. Também tem uma pessoa fazendo omeletes sob demanda. 


Repondo as energias para mais um dia de praia em Ibiza
Café da manhã com vista para a piscina

A refeição é correta, mas não tem nada de marcante. A área da piscina é bem convidativa, com música, várias espreguiçadeiras e um bar que funciona das 11 às 19 servindo bebidas e lanches.

Conclusão

Eu diria que o Hotel Playa Sol Bossa Flow vai atender às necessidades daqueles viajantes mais jovens, que não estão focados nos detalhes, mas não querem arriscar dividir um hostel ou outra hospedagem mais imprevisível em Ibiza. Também é uma excelente opção para quem quer ficar perto da farra e voltar a pé para o quarto depois da balada.


Comentários