Encontrando o hotel perfeito: 10 anos usando o Booking

24.5.17

Agora em 2017 faz 10 anos que usamos o Booking.com para reservar nossas hospedagens pelo mundo. Tenho até hoje o e-mail com as reservas dos 7 hotéis que ficamos durante nossa primeira viagem à Europa, em julho de 2007. Relíquia. A fidelidade e satisfação são tantas que sou capaz de não fechar com um hotel se ele não está presente no site. E a gente sabe que hoje temos cada vez mais opções de hospedagem à nossa disposição. São pousadas, hostels, villas, apartamentos e hotéis e, não sei com vocês, mas quanto mais opção, mais confusa eu fico. Nesses 10 anos usando o Booking para achar e reservar hospedagem penso que posso compartilhar com vocês 5 dicas para encontrar o hotel perfeito para sua viagem:


1 - Saber quando vou viajar | Pode parecer meio óbvio (só que o Booking deixa a gente pesquisar sem data definida), mas saber a data exata da viagem é necessário para garantir o melhor valor possível disponível no momento. Caso você já use o site com alguma frequência (como é o nosso caso) veja se você já faz parte do Programa Genius, onde os clientes frequentes garantem, além de outras vantagens, 10% de desconto na diária (outros benefícios que variam de hotel para hotel são early check-in ou late check-out, drink de boas-vindas). Vai ver esse descontinho permita que você reserve um hotel que até então não estava nos planos. Já aproveitamos bastante essa fidelização e fechamos ótimas opções de hospedagem;


2 - Escolher a categoria (pousada / hotel / apartamento / hostel) | De antemão é preciso restringir a busca. Para isso, sempre marco o que busco na minha pesquisa, assim os resultados que não interessam não entram na equação e não tiram o foco da sua pesquisa. É importante saber adequar cada forma de hospedagem a cada tipo de viagem. Por exemplo, se você vai à Ilha do Mel, no Paraná, é pouco provável que você se hospede num hotel, já que na ilha predominam as pousadas. Já se a viagem for a Nova York é mais provável que você busque um hotel ou um apartamento por temporada e não um resort, não é mesmo? Então é nesse momento que você vai delimitar suas opções de acordo com o propósito da sua viagem e o perfil do destino; 


3 - Primeiro ver as opções com notas de 8 para cima | Dentro do orçamento definido, vejo primeiro se e quais as opções estão com nota 8 ou mais nas avaliações dos hóspedes. Geralmente os hotéis mais bem avaliados têm algum diferencial que vai chamar a atenção. Dá também para saber qual ponto ele tem a nota mais forte, por exemplo: localização, café da manhã, limpeza; 


4 - Excluir (ou incluir) o que você acha necessário numa hospedagem (frigobar / café da manhã) | A fim de afunilar ainda mais a minha busca, procuro incluir outros aspectos essenciais no momento da escolha do hotel. Geralmente, se ele oferece cancelamento grátis (o que é uma boa solução para quando a viagem não está 100% fechada), se o café da manhã está incluso na diária, se o hotel é acessível, se tem ar condicionado, enfim, dá para escolher o que é importante para você naquela viagem;


5 - Ler as experiências de outras pessoas | Por fim, acho importante ler o que as outras pessoas acharam daquele hotel. Assim como a gente confia em alguns blogs para saber sobre experiências de viagem, os comentários no Booking.com podem ser decisivos na hora de  encontrar aquele hotel. Geralmente busco as hospedagens com maior número de avaliações, depois procuro ler as avaliações negativas, para assim saber se são problemas estruturais ou pontuais. Exemplo: se um hóspede reclama que o hotel está em uma área de muito barulho na cidade pode ser que isso atrapalhe também a minha experiência, mas caso o hóspede dê nota baixa em um estabelecimento porque o travesseiro era macio demais, isso não necessariamente vai impactar na minha viagem.


Esses são os passos que sigo para encontrar excelentes opções de hospedagens pelo mundo. E você, tem alguma dica? Conta aí nos comentários! Tem alguma dúvida? Não hesite em perguntar!

>> Um post da série: Não é publi. É amor.


SalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvar

Leia também

0 comentários

google plus

twitter