29.10.14

Onde comer em Búzios

Búzios não é um destino barato propriamente dito - como todo bom balneário brasileiro, diga-se. Para quem vem do Rio ou de São Paulo, digamos que é equiparável, mas para quem sai dos demais estados é bom ficar preparado para preços um pouco salgados. A oferta de bares e restaurantes é inegável, são muitos, das mais variadas especialidades. Nós experimentamos alguns e compartilhamos nossas impressões aqui a fim de facilitar o planejamento da sua viagem.

  

Mas antes, vamos começar do começo! E qual seria o começo? você me pergunta. O começo está lá na estrada, saindo do Rio de Janeiro, rumo à região dos Lagos, pouco depois de Itaboraí, a parada na Casa do Alemão é obrigatória. É o equivalente a parar no Frango Assado para os paulistas ou no Rei das Coxinhas para os pernambucanos. Na Casa do Alemão o forte é um croquete de carne (+- R$ 5,00) sequinho e crocante por fora e molhadinho por dentro – perdição. Também tem o pão com linguiça e bastante queijo derretido (+- R$13,00) que não fica atrás na gostosura. A gente ia ficar por aí, mas vimos um mil folhas de doce de leite (+- R$ 6,00) que conseguiu mais do que a nossa atenção.




Já em Búzios as nossas dicas são bem variadas. A primeira é a Moqueca de Camarão do Restaurante do David. Eles têm uma menu bem variado e extenso, mas a nossa pedida foi certeira. Uma moqueca (R$ 90,00) farta, deliciosa, acompanhada de arroz, pirão e farofa, pra ninguém botar defeito. Apesar de não estar exatamente junto à praia, o ambiente é muito praiano e rústico, com mesas no interior da casa e na calçada, bem no agito dos arredores Rua das Pedras. 






Outra opção, agora na rua mais famosa da cidade, é o La Dolce Vita. Um restaurante intimista italiano com sotaque arxentino, pratica preços honestos nos pratos para duas pessoas. Nós fomos de Bruschettas simples de entrada e Linguine ai Frutti di Mare (R$ 79,00) como prato principal. Ambos bem corretos. A mesa ao lado pediu uma Pizza Marguerita tão cheirosa que quase bateu um arrependimento na gente. Quase.




Na avenida beira-mar, indo para a Praia dos Ossos – pós Orla Bardot, num aglomeradinho de restaurantes paramos para provar um peixe honesto com pirão, arroz, salada e batata frita. Heineken gelada, barulho das ondas, prato para duas pessoas a R$ 49,00, não temos do que reclamar, não é? O Eureka serviu um peixe fresco a uma pechincha, se levarmos em conta a localização.






Para por um ponto final no calor o serviço ficou por conta do Sorvete Finlandês – o pessoal do Blog Check-in já tinha dado essa dica, só que em Penedo, nesse post das sorveterias. A sorveteria é bem bonita e a atendente muito simpática. Os sabores não são nada ousados mas são deliciosos. Provamos o crocante e o de limão por R$8,00 a bola.

 

Se você é daqueles que não dispensa um cafezinho pós-refeição, pague sua conta e siga até o Carioca Café-Bar, escolha a sua bebida e peça uma fatia de torta para adoçar a vida. Eu não resisti à fofura do café coado no mini coador (R$ 4,50) e, juntos, não resistimos à torta pavê de chocolate. De outro mundo de tão boa!


                        



Por fim, já prestes a pegar a estrada de volta – depois de muito banho de mar –, paramos no Porto da Barra – complexo gastronômico de Manguinhos – para provar a última coisa da nossa lista: O pastel de camarão (R$ 5,00) do Bar dos Pescadores. Que pastel! Quer dizer, que pastéis! Porque o de siri entrou na jogada e é forte candidato a melhor pastel já provado pela crew do blog. Sem contar o ambiente delicioso do lugar, que vontade de voltar para apreciar o pôr-do-sol de lá (que dizem ser fantástico) com uma cerveja gelada e mais alguns pastéis...




Sabendo procurar você não vai entrar em roubada em Búzios, mas seguindo as dicas desse post você vai se dar bem. Pode confiar!


SERVIÇO
Observação: Os endereços no google maps são bem confusos e o streetview, defasado. Os dados que coloco aqui cairão em lugares aproximados, mas não tem erro, estando lá vocês acharão!

  • Restaurante do David – Rua Manoel Turibio, 260;
  • La Dolce Vita – Rua das Pedras, 25;
  • Eureka Restaurante e Pizzaria – Avenida José Bento Ribeiro Dantas, 290;
  • Carioca Café-Bar – Travessa dos Pescadores – Passeio das Palmeiras;
  • Bar dos Pescadores – Avenida José Bento Ribeiro Dantas, 2900 – Porto da Barra - Manguinhos;


27.10.14

Praias de Búzios

Na primeira ocasião estive em Búzios a bordo de um mini cruzeiro, portanto, na curta escala que tive, procurei otimizar o tempo em solo e parti para um passeio de escuna pelas praias do balneário.

Já nessa segunda vez, confortavelmente hospedados e devidamente motorizados, conseguimos dar umas voltas e conhecer algumas das 23 praias que Búzios tem. Em todas as praias visitadas nós conseguimos chegar de carro, com fácil acesso e todas contam com alguma estrutura de bar/restaurante.

>> Praia da Armação – É a praia de onde partem todos os aquatáxi com destino às demais praias. Ali também atracam os grandes navios de cruzeiro que chegam a Búzios. Em sua orla estão as célebres estátuas de Brigitte Bardot, JK e a  belíssima escultura dos 3 pescadores. Nas cercanias do píer está o burburinho da Rua das Pedras, quanto mais se anda para o sentido Praia dos Ossos, mais tranquilo fica.
Praia da Armação vista da Vila d'este
Escultura dos Três Pescadores na Praia da Armação


>> Praia dos Ossos – Passamos bem rápido na Praia dos Ossos, a caminho da praia seguinte. Seu mar é calminho, boa para levar os pequenos. Não sei se por estar muito nublado, não observei infraestrutura por lá. Mas é muito tranquila e tem uma boa faixa de areia.

>> João Fernandes – A praia de João Fernandes foi o nosso pouso num domingo nublado em Búzios. A uns 15 minutos de caminhada do nosso hotel, ficamos satisfeitos em montar acampamento por lá. O mar é mais vivo, mas nada perigoso. No início da praia a gente encontra alguns restaurantes com boa infraestrutura e que servem na areia também, mas optamos por nos afastar mais dessa muvuca e ficar quase no fim da praia. Usamos da estrutura da barraca de uma simpática argentina, que por causa do tempo ruim e falta de clientela farta nos concedeu uns descontos. O banho de mar é bom, mas super gelado! Num dia de sol cai muitíssimo bem. Ali em João Fernandes muitos se aventuram no SUP (Stand Up Paddle) e no caiaque, também é ponto de parada de algumas escunas, então, eventualmente o som alto das embarcações vai se sobrepor ao barulho das ondas. Mas nada grave para aqueles que viajam com o espírito amistoso.

Tons de verde e azul de João Fernandes
Caipirinha em João Fernandes


Na segunda, dia de voltar para casa, o sol deu as caras, ainda que acompanhado de uma ventania fora do comum, essa foi a deixa para pegar o carro e ir conhecer umas praias mais distantes;

>> Praia do Forno – O que mais chama a atenção nessa praia é a linda coloração da sua areia, que ora assume um tom de vermelho, ora um tom de rosa.  O mar é lindo e limpo – nesse dia estava um pouquinho turvo por causa da mudança dos ventos. Como era uma segunda-feira pela manhã não deu para avaliar a infraestrutura nem a lotação. Mas a praia do Forno tem uma faixa de areia curtinha, na alta temporada deve ser disputadíssima.

As areias cor de rosa da Praia do Forno
O azul intenso das águas da Praia do Forno


Adendo: Se você está de carro, saindo da praia do Forno, siga na direção do mirante e tenha uma vista incrível da região e da pedra da tartaruga. Vale a parada!

Praia do Forno vista do mirante
Pedra da Tartaruga


>> Praia da Ferradura – Nossa última parada das praias de Búzios foi para muito banho de mar na bela Ferradura. Dona de águas límpidas e gélidas, ao contrario das demais, tem uma extensão longa, quase um U mesmo, daí o seu nome. O mar é tranquilo, uma excelente pedida para quem vai a Búzios com crianças. Também no clima de um início de semana pela manhã, poucos eram os seus frequentadores. Tivemos a sensação de que Búzios – ou pelo menos parte dela – era nossa.

Chegando à Praia da Ferradura
Águas claras da Ferradura


24.10.14

Notícias do Turismo #23



Semanalmente você encontra aqui as notícias mais fresquinhas do turismo no Brasil e no mundo.

  • Rail Europe lança promoções com descontos de até 70% em bilhetes de trem na Europa – A baixa temporada é o momento ideal para viajar para a Europa gastando pouco e aproveitando muito. Hotéis, lojas e restaurantes estão com preços menores e as atrações podem ser visitadas sem tantas filas. Para economizar ainda mais, a Rail Europe está lançando uma promoção com descontos de até 70% nos passes e bilhetes de trem. A empresa, que é a maior distribuidora de passagens de trens europeus do mundo e a principal do Brasil, oferece 15 mil destinos no Velho Continente em trens confortáveis e pontuais. Maiores informações e compras: www.raileurope.com.br
Descontos de até 70% nos trens da Europa - Foto: Divulgação

23.10.14

ibis budget Paraíso - Hospedagem econômica e bem localizada em São Paulo

Em agosto eu fui a São Paulo para participar da 42a ABAV – Expo Internacional do Turismo. Como a feira acontece no Anhembi, para mim era essencial estar perto de um metrô, assim eu atravessaria a cidade rapidamente. Dessa vez eu não precisava de um hotel com uma super infraestrutura uma vez que ficaria o dia todo na rua, portanto, meu objetivo era uma boa noite de sono numa localização estratégica.  O Ibis Budget Paraíso – fazendo parte da bandeira mais econômica da rede hoteleira Accor –, cumpriu muito bem a proposta. O hotel é colado à estação Paraíso do metrô – linhas azul e verde –, pertinho da Avenida Paulista, bem organizado, todo remodelado e tem um décor moderninho.

ibis budget Paraíso - Recepção

21.10.14

Casa Mathilde – Doces Portugueses no coração de São Paulo

Minha timeline do instagram (segue aí @aretakis) já tinha sido invadida algumas vezes pelos dourados e hipnotizantes Pasteis de Belém (ou de nata) da Casa Mathilde. Tanto o pessoal do Caminhando Pelo Centro quanto vários amigos já fizeram a maldade o favor de compartilhar esse achado e eu fiquei só na vontade. De volta a São Paulo em agosto, após testemunhar a vista embasbacante de cima do Edifício Martinelli, ao deixar o prédio me deparei com uma fachada nada familiar para mim. Foi uma surpresa descobrir que ali, aos pés de um ponto turístico paulistano, estava o oásis português! A Casa Mathilde Doçaria Tradicional Portuguesa – inaugurada em junho de 2013 ainda tem pinta de coisa nova no charmoso Largo Antonio Prado, no centro de São Paulo. Os doces são sensacionais e fazem história desde 1850, quando em Sintra, entrava em funcionamento a Casa de Queijadas Mathilde.



20.10.14

Chapada dos Guimarães - Pousada Casa da Quineira

O nosso pouso durante a visita à deslumbrante Chapada dos Guimarães foi a Pousada Casa da Quineira. Inaugurada em junho deste ano, a casa, que conta com 11 quartos, recebe este nome, pois está à margem do Parque da Quineira, no município de Chapada dos Guimarães.

Antes mesmo de termos uma primeira impressão, fomos recebidos com uma bebida geladinha, absolutamente necessária para amenizar o calor mato grossense. A pousada tem salões com decoração rústica, com um misto equilibrado de referências regionais e europeias. Tudo muito informal e confortável. No pátio externo, a piscina divide espaço com redes, banquinhos de jardim, espreguiçadeiras e mesas de madeira, além de uma lareira, apropriada para quando as noites esfriam na Chapada. Sentados ali, pudemos desfrutar do silêncio e, para a nossa sorte e deslumbramento, também o som de um lindo casal de araras vermelhas que, com toda a naturalidade, cortaram o céu azul bebê do cerrado, bem diante dos nossos olhos – difícil descrever a sensação de estar tão perto da natureza!


17.10.14

Notícias do Turismo #22



Periodicamente, você encontra aqui as notícias mais fresquinhas do turismo no Brasil e no mundo.

  • Cinco micro destinos da Riviera Nayarit – Punta Mita: Localizada entre o oceano Pacífico e a Baía Banderas, Punta Mita caracteriza-se por possuir os mais luxuosos resorts da região. A união das águas cristalinas do mar e os recifes de corais tornam a paisagem ainda mais bonita. Um ambiente ideal para relaxar e desfrutar da beleza e comodidade. Nuevo Vallarta: Com cinco quilômetros de praias douradas e areia fina, Nuevo Vallarta apresenta resorts e hotéis categorizados como Cinco Diamantes, chancela concedida pela American Automobile Association (AAA).O empreendimentos da região são conhecidos por disporem das mais luxuosas acomodações, em um ambiente agradável e repleto de hospitalidade. Rincón de Guayabitos: Um paraíso pouco explorado pela maior parte dos turistas estrangeiros, a baía é reconhecida na Riviera Nayarit por abrigar uma praia que mais lembra uma piscina natural gigante, considerada a maior de todo o México. Sayulita: O esporte aquático simboliza o povoado de Sayulita. Com ondas de médio porte, a praia abre espaço para os turistas praticarem stand up paddle (SUP), surfe, body board, canoagem e mergulho. San Pancho: San Francisco – também conhecida como San Pancho – está localizada entre as montanhas de Sierra Madre e o mar. Quem visita o local pode relaxar à beira-mar ou aproveitar a calmaria do povoado, que conta com apenas 2 mil habitantes. Mais informações: www.rivieranayarit.com

Rincón de Guayabitos na Riviera Nayarit - México - Foto: Divulgação

15.10.14

Chapada dos Guimarães - O cerrado se vê nos detalhes

A convite da pousada Casa da Quineira nos juntamos a outros 5 blogs de viagens no #ChapadaBlog, uma ação bacana para que nós, viajantes, conhecêssemos em um fim de semana alguns encantos da Chapada dos Guimarães. A viagem foi uma sucessão de descobertas, uma vez que para mim tudo era novidade, desde o estado do Mato Grosso em si até o calor que faz por lá. Já na estrada, partindo de Cuiabá, avistar em um primeiro contato o paredão da chapada foi emocionante, um pequeno teaser do que viria adiante.


Manu Laurindo - Guia da Chapada
A programação começou na manhã do sábado e seguiu intensa até os últimos minutos. Nossa guia, Manu Laurindo, comunicativa e muito extrovertida, foi peça fundamental nesse fim de semana. Com um fôlego contagiante, foi ela a responsável por nos apresentar cadenciadamente a Chapada, o Cerrado e suas particularidades. O roteiro foi bem montado, começando a reter nossa atenção timidamente no Mirante do Centro Geodésico, que marca o ponto equidistante 1.600km entre os oceanos Pacífico e Atlântico. Avista-se o encontro da planície com a Chapada. Ali, na pontinha do mirante, os mais corajosos se sentam e garantem para a posteridade o registro desse feito. 


Mirante do Morro dos Ventos foi a segunda parada do dia. Contando com uma estrutura um pouco mais reforçada, com duas plataformas projetadas para o penhasco, avistamos a pequena Cachoeira do Amor e temos mais uma bela vista de toda a região. Essa época do ano, por causa das queimadas, a visibilidade reduz bastante, mas nada que comprometa a experiência. Já na Ponta do Campestre, a terceira atrativo do roteiro, chegamos de carro no ponto certo para a trilha de descida até o mirante. De lá, segundo relatos, em dias de céu limpo avistamos Cuiabá.


8.10.14

Natal de Curitiba 2014 - Programação

Capital do Natal, Curitiba já tem programação definida recheada de eventos gratuitos. Corais, concertos, feiras e  missas trazem de volta o espírito de fraternidade do Natal. E Curitiba, que já é referência quando esta época do ano se aproxima, promove eventos gratuitos e em sua maioria com cunho solidário. A programação já possui diversas atrações confirmadas, portanto, quem está programando as férias de final de ano, já tem o destino certo: a capital paranaense. 

Coral Palácio Avenida - Foto: Divulgação


Programação 2014:

6.10.14

Facilidades em Paris

Duas dicas úteis para a sua próxima viagem a Paris!

Não deixe de adquirir o Paris Visite, cartão para ser utilizado nos transportes públicos da cidade (válido para ônibus, metrôs e funicular de Montmartre) e, de quebra,  dá desconto em algumas atrações culturais, pontos turísticos e passeios.  Nós utilizamos essa facilidade todas as vezes que fomos a Paris e não nos arrependemos.

Com o Paris Visite dá para usar o transporte público da capital francesa quantas vezes quiser

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...