5 melhores de 2017 - Hotéis

9.1.18

Aproveito essa segunda semana de 2018 para fazer uma retrospectiva rápida com posts diários das viagens que rolaram por aqui, elegendo os 5 melhores de 5 categorias (praiashotéispasseioscafés da manhã e viagens). Quem acompanha o instagram do Raphanomundo sabe que acabamos de voltar da última viagem de 2017 – uma viagem de carro por Portugal –, mas também viu todos os destinos incríveis que visitamos e revisitamos esse ano. Passamos pela Áustria, BrasilItáliaHolandaBélgicaLuxemburgoEstados UnidosGréciaPortugalEspanhaFrança e Islândia. Além de repetirmos a dose pela França, Holanda, Itália e Portugal novamente. Sem contar os passeios pela Alemanha, país que há 1 ano e meio chamamos de casa. 

O blog ainda apareceu como referência em matérias de jornais do mercado de turismo, foi objeto de projeto de conclusão de curso universitário, teve o conteúdo indicado inúmeras vezes pelas redes sociais do Ministério do Turismo, além de destaque em sites e portais brasileiros. Nesses 365 dias contabilizamos mais de 30 hospedagens testadas – porém nem sempre aprovadas, um sem fim de descobertas, shows em festivais de verão aqui na Europa e muita emoção. Dois mil e dezessete foi, definitivamente, um ano para ficar na memória.



Dando seguimento aos posts, apresento os 5 melhores hotéis - dos mais de 30 que visitamos em 2017:

Urbanica – Miami Beach | Depois de uma experiência pra lá de negativa num 5 estrelas de Miami Downtown, chegar ao Urbanica em Miami Beach foi como chegar em casa. Pessoal simpático, mojito de boas vindas e um hotel boutique lindo era bem mais do que a gente precisava. Sem dúvidas, a melhor hospedagem de 2017. Leia aqui a nossa resenha sobre o Urbanica The Meridian Hotel;
Bob Hotel & Coworking – Paris | Vocês bem sabem que encontrar hotel em Paris não é tarefa das mais fáceis. No entanto, ao descobrirmos a Rede Elegancia Hotels e seus hotéis boutique, esse trabalho se tornou mais prazeroso. O Bob Hotel & Coworking tem quartos confortáveis, bem decorados e um café da manhã com pinta de brunch. Depois de um dia inteiro flanando por Paris, chegar nesse quarto é tudo o que a gente precisa. Leia aqui a nossa resenha sobre o Bob Hotel & Coworking;


Makis Place – Mykonos | Acho que esse foi o hotel com a hospedagem mais curta de 2017, mas ainda assim, o Makis Place, em Mykonos, nos conquistou. Além de sua excelente localização e pessoal muito simpático, o quarto recém reformado com vista para o mar e a piscina de um azul que rivalizava apenas com o céu, foi a gota d’água para deixarmos a ilha grega já com vontade de voltar; Leia aqui nossa resenha sobre o Makis Place;


Urban Lodge – Amsterdam | Escolhido para dar o pontapé inicial no #RolêBeNeLux, o Urban Lodge já chamou nossa atenção de cara. Mesmo com um pequeno contratempo, que foi contornado com um pedido de desculpas escrito a mão e uma Heineken gelada, esse hotel com pinta de cabana na montanha em plena Amsterdam foi uma das boas surpresas de 2017. Leia aqui nossa resenha sobre o Urban Lodge;


Nu Hotel Milano – Milão | Já contei algumas vezes que nossa primeira vez em Milão foi mais do que esquecível, né? Até que voltamos à cidade no começo de 2017 a fim de ir conhecer o Lago di Como e resolvemos dar mais uma chance a esse relacionamento conturbado. E não é que foi uma decisão acertada? Sem dúvidas a nossa hospedagem no Nu Hotel teve forte participação nessa reconciliação. Hotel novo, com uma decoração linda e perto do metrô. Agora precisamos voltar a Milão e fazer desse relação algo mais forte e duradouro. Leia aqui nossa resenha sobre o Nu Hotel Milano.

Leia também

0 comentários

google plus

twitter