No meio das nossas viagens também nos programamos para passar um final de semana em Berlim. Acho até que ficaria feio passar três meses na Alemanha e não conhecer sua capital. E foi em um lindo sábado de sol que embarcamos novamente em um trem rápido e em 5h desembarcamos na maior cidade da Alemanha.

A Berlin Hauptbahnhof (Estação Central) é a maior estação de trem que já vi na vida (e basta um pouco de pesquisa pra saber que ela é a maior estação de trem da Europa). Toda de vidro, super moderna e cheia de lojas, parece um shopping de tão pomposa, impressiona quem chega de trem à cidade.

Nos hospedamos em um dos hotéis da rede One e recomendamos - conhecemos essa rede alemã quando fomos a Hamburgo e gostamos muito. Os hotéis são novos, com design caprichado e o que torna barato (marcando com antecedência a diária para o casal sai por 69€ - café da manhã 9.50€ por pessoa) é o fato de não ter muitos serviços e facilidades. Lá você encontra um quarto limpo e cheiroso, um banheiro, estilo ibis, mas com um pouco mais de personalidade, um bom café da manhã e wi-fi. O suficiente para uma boa noite de sono! Só em Berlim existe umas 7 filiais sempre muito bem localizadas. Nós ficamos no Motel One Berlin Ku'Damm que fica pertíssimo da Kaiser-Wilhelm-Gedächtnis-Kirche Berlin. Essa igreja teve sua torre bombardeada em 1943 e não foi reconstruída para que as consequências da guerra sempre sejam lembradas.



Kaiser-Wilhelm-Gedächtnis-Kirche Berlin


Reichstag - prédio que abriga o parlamento alemão


Brandenburger Tor - Portão de Brandemburgo


Brandenburger Tor - Portão de Brandemburgo

Berliner Fernsehturm - Antena de TV de Berlim (368 metros)


Französische Straße - Estação na rua da filial alemã das Galeries Lafayette


Deutsche Demokratische Republik - República Democrática Alemã


Parte preservada do Muro de Berlim - "To Astrid: maybe someday we will be together"


O que restou do Berliner Mauer



O Trabi - carro símbolo da Alemanha Oriental


Grafite no U-Bahn da Postdamer Platz


East Side Gallery - 106 trabalhos originais pintados sobre fragmentos em 1,3 km de extensão do Muro de Berlim


East Side Gallery - 106 trabalhos originais pintados sobre fragmentos em 1,3 km de extensão do Muro de Berlim


Oberbaumbrücke sobre o Rio Spree


Visitamos os principais pontos da cidade - sem tempo para entrar em museus: Brandenburger Tor | Reichstag | Check Point Charlie | Berlin Hi-Flyer | East-Side Gallery | Oberbaumbrücke | Kaiser-Wilhelm-Gedächtnis-Kirche Berlin | Kürfurstendamm |

A nossa estada foi curtinha e os dias passaram voando. Se analisar friamente tudo o que Berlim tem pra ver, é preciso no mínimo, uns três dias inteiros só para a parte turisticona da cidade. Mas se apertar o passo, e o tempo cooperar, como foi nosso caso, dá pra se ter uma ideia legal em um fim de semana.

Mas já aviso: você vai querer voltar!