Montevidéu: Visita Guiada ao Teatro Solís


Caminhando pelas ruas da Ciudad Vieja de Montevidéu, acabamos avistando o imponente Teatro Solís. Esse teatro está localizado bem no centro da cidade, onde a cidade velha encontra o comércio. A construção do século XIX foi e é palco de grandes espetáculos cênicos e musicais e é um dos pontos indispensáveis numa visita à cidade.

Fachada - foto do celular





Em alguns horários específicos é possível fazer uma visita guiada, pelo módico preço de $20 em espanhol ou $40 em português/inglês.

Tomamos uma cervejinha no Allegro Café enquanto esperávamos o horário da nossa visita, não sem antes paquerarmos vários itens da lojinha.


Allegro Café

O nosso energético guia nos levou para desbravar as salas do teatro, narrando sua história e os inúmeros artistas que haviam passado por ali. Passados alguns minutos, uma gritaria desperta a curiosidade do grupo de turistas. Desavisados, estávamos no meio de uma intervenção cênica*.

Detalhes do teto do salão principal

Mais detalhes do belíssimo Teatro Solís

Poltronas
Três atores interpretaram, cantaram, tocaram e dançaram nas incursões que aconteceriam dali em diante. Foi incrível notar que em determinado momento o envolvimento com os personagens era tanto, que o Teatro, suposto a grande estrela da visita, tinha se tornado - como haveria de ser - o palco de mais um magnífico espetáculo. Estávamos incrédulos. O texto e as músicas desenhavam a saga de imigrantes espanhóis e italianos, numa Montevidéu que cresceu e hoje tem uma identidade viva e única.

Artistas da intervenção teatral

Um vídeo do começo da apresentação


Voltamos para a rua gelada um tanto chocados com a qualidade do que tínhamos presenciado. Sem dúvida, nesse momento, Montevidéu já havia nos surpreendido!

*Não foi possível saber se em todas as visitas guiadas acontece essa intervenção cênica ou se foi algo especial. 

Em tempo, no site do museu é possível fazer um tour virtual pelo teatro e conhecer a sua história.

Comentários

  1. Rapha, fui em Montevidéu em Janeiro deste ano e também houve uma intervenção de uma dançarina e um músico de candombe. Acho que faz parte da programação!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom saber, Cecília! Acho que enriquece ainda mais a experiência, né? Adorei essa visita!

      Excluir
  2. Rapha,vc agendoua visita com antecedencia?! Fez em portugues ou espanhol??
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Dani! Não, eu cheguei no dia e fiz a visita. Só aguardei o horário seguinte. Fiz em espanhol, mas eu falo o idioma. Talvez, se você não domina, seja melhor fazer em português para a visita ser mais rica ;)

      Excluir

Postar um comentário