As opções gastronômicas a bordo do Splendour of the Seas são inúmeras e, num mini cruzeiro de 3 noites, é preciso uma boa dose de organização para poder aproveitar tudo da melhor forma possível.

O dia começa muitíssimo bem após um reforçado café da manhã no Windjammer Café. Frutas, pães, cereais, bolos, biscoitos, frios, ovos, omeletes feitas na hora, panquecas, waffles, rabanadas, iogurtes, café, leite e chá – tudo isso à vontade e já incluso no valor do pacote. No restaurante do 5º deck é possível tomar um café da manhã com um pouco mais de pompa, servido por garçons, tem até ovos beneditinos no cardápio. Um pequeno luxo. As únicas ressalvas são: o horário nesse restaurante é um pouco restrito – das 8:00 às 10:00 – e você terá que dividir mesa.

Chegando em Búzios - Vista do café da manhã no Windjammer - instagram @aretakis



Para quem quer almoçar sem sair de perto do agito da piscina pode ir ao Windjammer novamente se deliciar com o buffet do meio-dia. Tipicamente americanos, os navios da Royal quando aportam no Brasil não deixam de lado o bom e velho feijão com arroz. Ou seja, se você é daqueles que não recusa a dupla da boa mesa brasileira, não se preocupe: Tem feijão com arroz a bordo! Caso o apetite esteja mais para um lanche, no Splendour of the Seas você encontrará o Boardwalk Dog House e poderá provar um delicioso cachorro quente. Fique esperto, próximo à piscina sempre rola uma refeição especial, no domingo foi o dia de uma bela Paella, preparada sob os olhos curiosos dos passageiros. Muito legal! Ah, aqui deixo outra dica amiga. Também na área da piscina maquininhas de sorvete estão estrategicamente posicionadas. É só pegar um casquinho, botar a mão na massa e correr para o abraço.

Paella na piscina - instagram @aretakis

Tive a oportunidade de almoçar no Izumi, restaurante de especialidade asiática, onde são oferecidos um dos sushis mais frescos e bem preparados que já provei. O restaurante trabalha no sistema à la carte e o valor é pago à parte, mas vou contar que comi como uma rainha e paguei $21 dólares, já com os $3 dólares da reserva de mesa inclusos. Uma barbada, dada a situação e o cenário. O Izumi também funciona para o jantar e apresenta uma carta bem mais vasta do que o almoço, incluindo pratos quentes. Só não vale esquecer de reservar (taxa $3 dólares) a mesa com antecedência, pois o lugar é pequeno e bastante concorrido.

Destaque para o Camarão Crocante e o Tataki - Peça sem medo de ser feliz
Vista do Izumi

Falando em jantar, no King and I (4º e 5º decks) serão oferecidos os jantares de todas as noites. Ele funciona em dois turnos, quem janta no primeiro turno assiste ao show no teatro após o jantar e quem janta no segundo, vai ao teatro antes do jantar. Nesse restaurante você sentará sempre na mesma mesa, podendo ou não dividi-la com outros hóspedes, dependendo da quantidade de pessoas. Aguarde sempre uma surpresinha ao final dos seus jantares, seja garçons dançando, seja garçons cantando, uma animação só!


Medalhões de Porco - Purê de Batatas e Brócolis

Pavlova - Mais conhecida como sobremesa sensação

Também é à noite, e só à noite, que funciona o Chops Grille. Bom, se você é fã de uma boa carne vermelha você TEM que ir lá! Também à la carte, o Chops tem um sistema um pouquinho diferente. Por $30 dólares por pessoa é possível provar couvert, entrada, prato principal e sobremesa. Eu fui de Contrafilé New York, macio, no ponto certo. Um espetáculo! Não deixem de pedir as batatas assadas e os aspargos de acompanhamento. Como se tudo isso já não fosse o bastante, para finalizar, a torta de chocolate é algo de outro mundo. Foi a refeição com o maior número de suspiros – e risadas – dos últimos tempos!

Cardápio do Chops Grille - Carne vermelha de primeira qualidade

Meu Contrafilé New York 

A foto não faz jus à delícia que é essa torta

Outra experiência, mas essa não tive oportunidade de provar, só que acho válido compartilhar com vocês, é a Chef’s Table. Junto com outros 14 hóspedes, você poderá provar 5 pratos gourmets, harmonizados com as devidas bebidas, tudo isso apresentado pelo Chef de Cuisine do navio, numa área reservada do restaurante. Agora, se a tentação é grande e você não quer perder por nada as experiências no Izumi, no Chops Grille e do Chef’s Table, por $105 dólares por pessoa você arremata as três. Ah, mais uma diquinha: a bordo eu ouvi dizer que esse preço fica ainda mais baixo... Não conta pra ninguém.

Chef's Table - Experiência exclusiva a bordo do Splendour of the Seas

O texto já está enorme e eu ainda nem falei que lá tem sorveteria Ben and Jerry’s, café Starbucks, Solarium Café e comidinhas leves. É um sem fim de opções para todos os gostos.