Mercado de Natal em Paris

Atualizado em 19 de novembro de 2017

Os Mercados de Natal da Europa começaram na Alemanha (weihnachtsmarkt), por volta do século XIV e, pouco a pouco foram conquistando e se espalhando pela Europa Central. Documentos apontam que após seu início, no país germânico, foi na região da Alsácia (França) que eles ganharam popularidade. Já difundido pelo continente, o costume de se visitar os mercados de natal nessa época do ano é algo muito aguardado e comemorado. Curiosamente, mesmo depois de tantas idas ao país, nunca consegui estar por lá na época correta. Sorte minha que esse costume também invadiu Paris e esse ano eu pude ver de perto um pouco da magia do 5º ano do Paris Village de Noël na Champs-Elysées.

Decoração impecável que marca o começo do Paris Village de Noël

Fim de tarde na Champs-Elysées 

O clima de Natal toma conta da cidade

São 180 chalés – nome dado às barraquinhas –, que vendem os mais variados itens. São presentes artesanais, como: velas, sabonetes, bijouterias, artigos natalinos, souvenires e roupas. No entanto, os chalés mais disputados, sem dúvida, são os que vendem comidas e guloseimas. Como é sabido, nessa época do ano, o inverno do hemisfério norte está dobrando a esquina. Como o mercado é a céu aberto, nada melhor do que um vinho quente (vin chaud, glühwein, vino caldo, hot wine...)  e uma boa comida para esquentar enquanto faz as compras ou se aprecia o movimento. Churros, salsichas, chocolates, salmão na brasa, batatas fritas, castanhas, queijos, embutidos... uma infinidade de sabores e aromas muito convidativos.

Chalés de comidas e bebidas
Mais guloseimas natalinas
Bolinhas de Natal todas pintadas a mão

Em horários pré-estabelecidos é possível ver o Papai Noel em seu trenó riscando o céu da cidade. Espetáculo inocente, mas que enche a vista dos menores e emociona aqueles que ainda carregam uma criança dentro de si. Enfim, um passeio para a família toda. Para completar, brinquedos de parques de diversão e uma pista de patinação no gelo estão espalhados nos dois lados do calçadão de uma das avenidas mais charmosas de Paris.

Papai Noel passando por cima do Mercado de Natal

A Champs-Elysées, que por si só é o destino de milhares de turistas diariamente, nessa época do ano ganha ainda mais brilho e motivos para uma visita mais demorada. Comece o passeio a partir do Arco do Triunfo e siga até a Concorde, a caminhada, inclusive, poderá ser coroada com uma volta na icônica roda gigante da praça. Seguindo esse sentido você verá as lojas e prestigiará todo o Marché de Noël.

Fim do passeio na Place de la Concorde

A Europa fica ainda mais incrível coberta de luzes e invadida pelo clima natalino. Se você é como eu, louco por natal, e está de viagem marcada nessa época do ano, não deixe de colocar um Mercado de Natal no seu roteiro. Ah, nos fins de semana eles são sempre mais concorridos, fui durante a semana e não estava lotado.

Atualização: Em 2017 não haverá Marcado de Natal na Champs-Elysées, mas nesse link dá para ver os outros Mercados de Natal de Paris, bem como data de abertura e horário de funcionamento. 

SalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvar

Comentários

  1. Meu sonho!! ir para Paris em época natalina!! Aliás, Paris em qualquer época né? Adorei e anotei a dica Rapha, bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Somos do mesmo time, Aninha. Paris é bom em qualquer época! Mas, olha, poder ver o começo das luzes de natal foi como estar num filme. Lindo, lindo, lindo <3 <3 <3

      Excluir

Postar um comentário