5 museus na Europa que valem a visita

Nós somos aquele tipo de viajante bem chegados numa lista. Antes de pegar a estrada os cadernos e bloquinhos se multiplicam com os mais variados check-lists: o que levar na mala, o passo-a-passo das coisas de casa, documentos... enfim, todos os requisitos necessários para cair no mundo. Em mais de 600 900 posts que já foram publicados por aqui é inegável a quantidade de dicas preciosas das nossas experiências pelo mundo, mas o que vocês não sabem é que nós fazemos listas ao voltar de viagem. E dessas listas surgiu a ideia de trazer aqui para o blog o resultado do nosso garimpo. Sempre com 5 dicas/opiniões/observações, nossas listinhas são uma maneira mais direta de compartilhar ainda mais o que vimos e veremos do mundo. 

Vamos à primeira:

Ao montar nossos roteiros de viagem, ainda em casa, sempre pesquisamos quais museus queremos visitar. Para nós é inimaginável uma viagem à Europa sem que haja um único museu no caminho. A essa altura do campeonato já visitamos vários, mas ainda são poucos perto do que queremos conhecer. Nessa lista de hoje vão alguns dos nossos queridinhos e imperdíveis:

1 - Reina Sofia – Madrid 

Digamos que esse foi o meu primeiro contato com um grande museu do mundo. Consequentemente, com os grandes nomes das artes plásticas. Pablo Picasso, Juan Miró, Salvador Dalí e Alexander Calder são alguns dos muitos artistas que figuram no acervo desse que é um dos mais importantes museus de arte moderna do mundo;

>> Entrada adulto: 8 euros | Fechado às terças | Domingo gratuito das 13 às 19h

2 - Pergamonmuseum – Berlim 


É o museu mais visitado da capital alemã, chegando a receber cerca de 1 milhão de visitantes no ano. Junto com outros 4 museus (Altes, Neues, Bode e Alte Nationalgalerie) formam a Museumsinsel – Ilha dos Museus. Seu acervo é grandioso, se divide em 3 áreas (Coleção de Antiguidades Clássicas, Museu do Antigo Oriente Próximo e o Museu de Arte Islâmica) e merece ser visitado com atenção. Em destaque se encontram o Altar de Pérgamo, construção dedicada a Zeus que data do século II a.C., a belíssima Porta de Ishtar, o oitavo portal da Babilônia e a Fachada Mshatta, pertencente ao palácio homônimo, situado em Aman, na Jordânia;

>>Entrada adulto: 12 euros | Aberto diariamente a partir das 10h |

3 - Centro Georges Pompidou – Paris 


O prédio do em si já é um grande atrativo. Pela sua ousadia, fuga dos padrões e proposta, foi duramente criticado pelos parisienses, mas hoje é um queridinho da cidade. O Pompidou abriga um museu de arte moderna e contemporânea, teatro, cinema, biblioteca, sendo assim considerado um complexo cultural. Kandinsky, Mondrian, Man Ray, Andy Wahrol, Tarsila do Amaral e Vasarely são alguns dos muitos nomes que compõem o maior acervo de arte moderna e contemporânea europeu, com mais de 50.000 trabalhos expostos. O Centro Georges Pompidou recebe cerca de 6 milhões de visitantes todos os anos.

>> Entrada adulto: 13 euros | Assim como outros museus de Paris, a entrada no Pompidou é gratuita todo primeiro domingo do mês | Aberto diariamente a partir das 11h

4 - Museu de História Natural – Londres 


Um grande passeio para quem vai acompanhado dos pequenos, o Museu de História Natural de Londres é parada obrigatória para os curiosos e pequenos cientistas de plantão. Não que os adultos não se divirtam durante a visita, pois nós mergulhamos de cabeça nesse mundo de descobertas. Eu diria que a visita a esse museu é equivalente a um daqueles dias que são muito legais na escola. Entre o seu acervo estão milhões de espécies e itens das coleções de ciências da vida e da terra, além da exposição permanente de esqueletos de dinossauros.

>> Entrada: Gratuita | Aberto diariamente a partir das 10h

5 - Museus do Vaticano – Roma 


Sem dúvidas o maior conglomerado de museus que já visitamos, os Museus do Vaticano impressionam não só pelo tamanho, mas pela preciosidade do acervo. Relatando não só a história do Cristianismo e da Igreja Católica, mas também das artes, são itens, quadros, salas, afrescos, tudo lá dentro faz parte ou conta parte da história. As Salas de Rafael e a Capela Sistina são de belezas inexplicáveis, pintadas pelos grandes artistas da Renascença, entre eles: Rafael, Michelangelo, Botticelli e Bernini.

>> Entrada adulto: 16 euros | Aberto de segunda a sábado a partir das 9h |  Gratuito no último domingo de cada mês


Comentários