Rio de Janeiro | Onde comer em Botafogo

Nas duas últimas vezes que fomos ao Rio de Janeiro acabamos hospedados em Botafogo, bairro da zona sul da cidade que gostamos bastante. Efervescente, boêmio e cultural, Botafogo guarda joias como a Casa de Rui Barbosa, o Museu Villa-Lobos, Museu do Índio, a linda  Livraria da Travessa e o cinema Estação Botafogo são alguns exemplos. O bairro também conta com estação de metrô, proporcionando fácil acesso ao centro da cidade e às praias de Copacabana, Ipanema e Leblon, bem como o metrô de superfície que leva o visitante direto ao Jardim Botânico. Hotéis e hostels também aparecem com boa oferta no bairro e preços mais camaradas.

Fachada Boteco Colarinho - Botafogo - Rio de Janeiro
Além de todas essas vantagens em Botafogo há, ainda, uma série de restaurantes e botecos bacanas para um almoço ou happy hour. Nosso refúgio em solo botafoguense é o Colarinho, boteco inaugurado em 2010, ele está juntinho do metrô botafogo, em frente à praça Nelson Mandela. Pratos do dia e chopp geladíssimo são a pedida, além de um atendimento ok, em se tratando de Rio de Janeiro. 

Na visita mais recente fomos duas vezes, uma na sexta-feira, para um almoço tardio, escolhemos o contrafilé na chapa. Macio, bem feito e bem servido, acompanhado de feijão preto, arroz, batata frita, farofa e vinagrete, caiu como uma luva. Já no domingo, dia nublado, depois do passeio do Jeep Tour, conseguimos uma mesa na calçada e fomos de feijoada carioca clássica, deliciosa e no capricho. As contas, com bebidas e os almoços, não passavam dos dois dígitos. Aceitável em termos de Rio de Janeiro. A casa ainda tem uma vasta carta de cervejas especiais e petiscos bastante elogiados.

Comida boa no Boteco Colarinho - Botafogo - Rio de Janeiro
Prato do dia na sexta-feira: Contrafilé completo para duas pessoas
Feijoada farta no Boteco Colarinho - Botafogo, Rio de Janeiro

Ali no Baixo Botafogo, como é conhecida a região das ruas Voluntários da Pátria e São Clemente, Nelson Mandela nas imediações da praça, encontramos outras opções gastronômicas como o Galeto Liceu Bar e o Empório Gourmet Le Dépanneur. Na praça em si  encontramos algumas banquinhas de acarajé e tapioca, comidinhas de rua da melhor qualidade.


Vá por mim, Botafogo merece muito mais do que só um almoço, merece uma visita mais demorada ou até mesmo uns dias. Você não vai se arrepender.



SalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvar

Comentários

  1. Concordo plenamente com teus comentários sobre o bairro de Botafogo.
    Sou paranaense e moro no Rio há 4 anos, nesse bairro que chamo de casa, em se tratando de Rio de Janeiro. Aqui é meu aconchego nessa vida louca carioca.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que temos a mesma impressão sobre Botafogo. Realmente é um bairro aconchegante! ;)

      Excluir

Postar um comentário