Visitando o teamLab Borderless | O incrível museu de arte digital de Tóquio

Dicas para visitação do teamLab Borderless, o primeiro museu de arte digital do mundo, que fica em Tóquio, Japão.

Dos mais variados museus que podemos visitar em Tóquio, um dos que eu tinha mais curiosidade em ver era o teamLab Borderless, que por motivos estéticos óbvios ganhou as contas do Instagram mundo a fora.

Abrigado em um prédio enorme, com mais de 10.000 metros quadrados, o museu consiste em um conjunto de obras de arte que formam um mundo sem fronteiras, daí o borderless do seu nome. Para visitá-lo não é preciso mapa, precisamos apenas deixar nossos sentidos nos guiarem. O grupo que montou o primeiro museu de arte digital do mundo é formado por cientistas, professores e, claro, artistas. São necessários 520 computadores e 470 projetores para transformar um galpão num universo repleto de cores, detalhes, formas e ainda assim é difícil de explicar a visita por esse museu. 


Foi nosso primeiro compromisso em Tóquio, programado antes mesmo de sair de casa. Como li que os ingressos para o museu se esgotam rápido, comprei com antecedência, escolhendo o dia e hora da visitação previamente. Chegamos pouco antes do horário marcado e a fila dobrava a esquina do MORI Building, onde fica o teamLab Borderless. Mas organizados como são os japoneses, a fila andou rápido e logo já estávamos na sala escura desbravando um mundo totalmente novo, cercado por projeções impressionantes, onde por vezes, nossos corpos também faziam parte das obras de arte. É fácil se perder ali dentro, nossos olhos são capturados por imagens caleidoscópicas e, a cada movimento nosso, novas projeções se revelam. 



Procurando onde dormir em Tóquio? Leia aqui a resenha do nosso hotel em Akasaka.


Algumas salas são ainda mais especiais, a primeira surpresa fica por conta da cachoeira que cai sobre a pedra onde as pessoas se reúnem. Como é a primeira grande instalação, difícil não ficar boquiaberto com a projeção. Seguindo a expedição, nos deparamos com outros ambientes incríveis, como o Crystal World, o Memory of Topography e, a mais disputada, Forest of Lamps, onde a combinação de centenas de lanternas feitas de vidro Murano, luzes e espelhos, transformam o ambiente em um lugar mágico. 


Pra completar a visita que mexe com todos os sentidos, a Tea House é uma sala onde você pode parar para tomar um chá ou sorvete (pagos a parte) e as projeções continuam pela sua mesa e seu pedido, fazendo da visita ao teamLab Borderless, uma experiencia sensorial completa e inesquecível. 

SERVIÇO

O que? teamLab Borderless

Onde? Tóquio - Aomi Station (3 minutos) Tokyo Teleport Station (5 minutos)

Quando? De segunda à sexta, das 10 às 19 horas. Sábados, domingos e feriados, das 10 às 21 horas. 

Quanto? Cerca de 30 dólares (adultos) e 15 dólares (crianças dos 4 aos 14 anos) | Por causa do grande volume de visitação comprar o ingresso online com antecedência é altamente recomendável




Reserve passeios e transfers pelo mundo com conforto e segurança

Alugue o carro da sua viagem online

Reserve sua hospedagem com cancelamento grátis

Contrate seu Seguro Viagem com cobertura para a Covid-19 e divida em até 12x sem juros

Quer viajar para o Japão agora mesmo, sem sair de casa? Ou está planejando uma viagem para o Japão? Garanta agora a nossa revista digital sobre o país.

Deixe um comentário

@raphanomundo